A oxigenoterapia administrada através de cânulas nasais ou máscaras tem sido sempre a primeira aproximação para aliviar a hipoxemia dos pacientes.

Benefícios fisiológicos
Umidade elevada
Lavagem de CO2
FiO2 controlada e previsível
Efeitos semelhantes ao CPAP

Uma nova funcionalidade disponível nos ventiladores

Na oxigenoterapia convencional, o fluxo utilizado é normalmente baixo, devido a que os caudais elevados sem um grau adequado de umidade podem causar incomodidade. Neste contexto, a FiO2 recebida pelo paciente também pode variar, já que é completamente dependente da magnitude do fluxo inspiratório do paciente. Neste quadro, hoje é possível administrar oxigênio com fluxos de até 80 litros por minuto e um alto nível de umidade usando cânulas nasais de alto fluxo (CNAF); o que resolve os inconvenientes identificados no passado. Atualmente, os ventiladores Advance, Neo e Ts* possuem esta funcionalidade, permitindo uma ótima transição entre ventilação invasiva, não invasiva e oxigenoterapia de alto fluxo.

Benefícios fisiológicos

Umidade elevada: A chave da tolerância
A administração de gases secos e frios por via nasal produz irritação e ressecamento da mucosa da via aérea superior, reduzindo a tolerância ao método e estimulando a deterioração do sistema de depuração mucociliar.
O uso de CNAF com alto nível de umidade permite tolerar os fluxos administrados e evita a alteração dos mecanismos de limpeza e defesa das vias aéreas. Durante o período de desmame, facilita o alívio da inflamação das mucosas laríngea e traqueal, permitindo evitar falhas pós-extubação.

Lavagem de CO2
Durante a aplicação de CNAF, registrou-se uma redução da frequência respiratória e do volume por minuto sem aumento da PaCO2. Isto sugere uma ventilação mais eficiente, provavelmente originada pela lavagem de CO2 da via aérea superior e a redução do espaço morto.

FiO2 controlada e previsível
Na oxigenoterapia convencional, a FiO2 é altamente variável, dependendo muito do fluxo inspiratório do paciente. Através da administração de fluxos que excedem o fluxo inspiratório máximo, as CNAF garantem uma FiO2 constante e controlada.

Efeitos semelhantes ao CPAP
Embora as CNAF constituam um sistema aberto, o jorro de fluxo utilizado gera resistência expiratória, criando certo grau de pressurização na via aérea superior, equivalente a níveis de CPAP de até 5 cmH2O com efeito fisiológico semelhante.

 

Usos e Aplicação

O CNAF tem se utilizado durante alguns anos, e as áreas de aplicações tem aumentado:
– Manejo em períodos pré- e pós-extubação.
– Insuficiência respiratória hipoxêmica e hipercápnica.
– Insuficiência cardíaca.
– Apneia de sono.
– Como opção para VNI.
– Na gestão de pacientes pediátricos e neonatais.

Serviços

Um grande acompanhamento pós-venda que lhe permite aproveitar todo o potencial de nossos equipamentos.

Nosso equipamento

Conheça os diferentes respiradores.
Entre em contato conosco.

Sobre Advance+

Distribuidores

Documentação de serviços, manuais técnicos, catálogos de produtos e folhetos atualizados.
Acesso privado.

Entrar

Somente distribuidores autorizados.Registrar-me.